Arquivos de categoria: Paris

Como é viver na Shakespeare and Company, em Paris

sheakspeare and company

Você é um aspirante a escritor e gostaria de passar um tempo exercitando sua criatividade em Paris, sem se preocupar com gastos de moradia? Então olha isso: a famosa livraria Shakespeare and Company, na capital francesa, oferece um teto para jovens escritores, em troca de algumas horas de trabalho diárias e o compromisso de que vão ler e escrever algo todos os dias. Continuar lendo

Hostel Bastille é opção cinco estrelas em Paris

Ok, pode ser exagero dizer que é acomodação cinco estrelas. Mas depois de ficar em hostéis com cinco, oito, dez ou mais camas e passar seis meses na Irlanda tomando banhos rápidos com água quente limitada, o Hostel Bastille pra mim teve o custo x benefício de um Hotel cinco estrelas. O preço era camarada (€ 35 por dia) e eu teria um quarto todinho para mim.

Hostel Bastille

O Hostel Bastille tem opções de quartos compartilhados, para duas pessoas e individual. Na maioria dos casos, o toilette é fora do quarto, sendo um por andar. E o chuveiro e a pia dentro do quarto. Todos os quartos são equipados com guarda-roupas, cofre e escrivaninha. Na época que eu fui, em 2011, tinha disponível internet em ponto fixo. Para conectar a internet você teria que levar o cabo. Hoje, já têm wi-fi.

Hostel Bastille

Por que eu gostei tanto? Eu vinha de uma época morando na casa de outra pessoa (estava trabalhando como au pair), o que não era ruim. Mas o nível de privacidade é bem reduzido. Consegui curtir um pouco essa individualidade enquanto estive hospedada no Bastille. Sem falar que o quarto era seguro, com ar condicionado, a cama confortável e a limpeza impecável.

Hostel Bastille
Ignorem a blogueira na foto

Mas acredito que o chuveiro mereça menção honrosa. Água quente e abundante. Tomava banhos longuíssimos com a água a todo vapor. Se for repetir o mesmo, cuidado: o quarto irá molhar cof cof um pouquinho cof cof. Nada preocupante, no entanto.

Hostel Bastille
Place de la Bastille, pertinho do Hostel

O hostel é bem localizado, na Rua Trousseau, 6, no 11º arrondissement, no lado direito do Rio Senna. Como nome do hostel sugere, fica na região da Bastille e a apenas algumas quadras do que foi a Bastilha, derrubada em 1789, no início da Revolução Francesa. Para o Marais é um pulinho. A duas quadras do hostel tem um supermercado Monoprix e uma estação de metrô. Há opções de restaurantes próximos, além de alguns barzinhos. Achei um região bem tranquila para circular à noite.

O café está incluso no preço da hospedagem. Não é nada cinco estrelas: café ou achocolatado, baguete e geleia/manteiga, mas é o suficiente para começar o dia.

Hostel Bastille
Arredores do Hostel Bastille, pela Rua do Faubourg Saint-Antoine

A única coisa chatinha do hostel é que você só pode entrar no quarto depois das 15h. Os quartos entram ‘em manutenção’ das 11h às 15h e não é possível acessá-los. Mas estando em Paris o que você quer fazer num quarto de hostel nesse horário, né? Na chegada pode ser um pouco incômodo, pois você quer deixar as malar, dar uma recarregada rápida nas baterias e não dá para entrar no quarto mesmo se for antes desse horário. Mas eles têm guarda-malas. Teoricamente você tem que pegar as malas até um certo horário, pois o serviço fecha no turno da noite. Mas nada que não seja flexível.

Se quiser ficar no Hostel Bastille, aconselho a fazer a reserva tão logo decida as datas pois tende a ser bem concorrido.  E Paris é ‘alta temporada’ para turismo o ano inteiro.

Hostel Bastille
Vista da janela do meu quarto

Hotel Eiffel Turenne: barato, honesto e bem localizado em Paris

hotel-eiffel-turenne2

Pra quem tem espírito mochileiro (ou mão de vaca), Paris é uma cidade que oferece dificuldade na hora de reservar um hotel. Os bons e bem localizados são caros, e os mais baratos são bem distantes dos principais pontos turísticos – e do metrô. Mas o meu problema foi resolvido com a ajuda de amigos, já que o Hotel Eiffel Turenne não consta nos principais sites agregadores de hotéis. Suuuper bem localizado e com serviço honesto, o hotel tem tarifas a partir de 73 euros. Um baita negócio, se levarmos em conta que ele fica a uma quadra da estação de metrô École Militaire, a poucos passos do Hotel des Invalides e a uma caminhada sincera de distância da Torre Eiffel. Continuar lendo

Almoçe em pleno Jardin des Tuileries, em Paris: Le Saut du Loup

le-saut-du-loup-2

Já pensou em almoçar em pleno Jardin des Tuileries, em Paris, depois de passar a manhã batendo perna no Louvre? Graças ao convite da querida Céline, da Rail Europe, pude conhecer um restaurante que normalmente passaria batido no meu passeio em Paris: o Le Saut du Loup. Localizado na Rue du Rivoli 107, do ladinho do museu, o lugar é escondidinho e muito gostosinho. Não posso dizer que é barato, mas você está em Paris, então aproveite! Continuar lendo

Uma visita ao Museu D’Orsay, em Paris

museu-dorsay-1

Ano passado, quando estive em Paris pela primeira vez, resolvi não visitar o Museu D’Orsay. A visita ao Louvre foi tão inebriante, e ao mesmo tempo tão extenuante, que resolvi guardar essa carta na manga para uma próxima visita. Bom, felizmente, a próxima visita aconteceu bem antes do esperado, e pude finalmente conhecer o museu – que anda fazendo bastante sucesso por aqui graças à exposição de seu acervo que acontece no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro. Continuar lendo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...