A Trilha das Bananeiras, no Parque Nacional do Iguaçu

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Filament.io 0 Flares ×

trilha das bananeiras foz (13)

Se você pensa que o Parque Nacional do Iguaçu se resume às cataratas, fico feliz em informá-lo que você está enganado. O parque tem diversas outras atrações, e dá pra passar um dia inteirinho por lá curtindo as emoções – e as paisagens, sempre sensacionais. Uma das mais bacanas, e que não é muito divulgada por aí, é a Trilha das Bananeiras.

Continue lendo pra saber tudo sobre a Trilha das Bananeiras!

Como chegar na Trilha das Bananeiras

trilha das bananeiras foz (11)

O ponto inicial da Trilha das Bananeiras fica próximo à entrada do Macuco Safari. Basta descer no mesmo local, caminhar um pouquinho e atravessar a rua. A entrada é bem discreta e por lá reina a calmaria: a impressão é de que realmente é um passeio para poucos.

trilha das bananeiras foz (8)

Na entrada você encontra um quiosque onde compra o ingresso (cerca de R$ 200) para a trilha e aguarda o guia. Na entrada já fomos atacados pelos mosquitos, então fica a dica: não economize no repelente!

trilha das bananeiras foz (6)

Assim que a guia chegou ela nos perguntou se preferíamos fazer a primeira parte da trilha a pé ou de carrinho. Como tínhamos um dia inteiro pela frente, preferimos fazer esse caminho no veículo. E, na minha opinião, foi a escolha certa: são cerca de 2km de caminhada em linha reta, sem muitos atrativos. Para quem gosta de observar animais e plantas talvez seja um excelente negócio, mas eu certamente ia me cansar à toa.

trilha das bananeiras foz (12)

Depois desse primeiro trecho, chegamos a uma espécie de QG da Trilha das Bananeiras (que é administrada pelo pessoal do Macuco Safari), com mesas, cadeiras, banheiro, água, café. Aproveite esse momento para fazer todas as suas necessidades, pois o passeio é longo. Quando todo mundo estava pronto, partimos para a segunda parte da trilha.

O passeio de barco

trilha das bananeiras foz (7)

A segunda parte da Trilha das Bananeiras é um passeio de barco pelo Rio Iguaçu. O primeiro passo foi colocar os coletes salva-vidas, e logo em seguida recebemos essas caixinhas com um lanchinho. Na caixa tinha Toddynho, biscoitos salgados, cookies, tudo bem gostoso. Meu filho, de 16 anos, adorou o mimo!

trilha das bananeiras foz (14)

Depois partimos pelo Rio Iguaçu, com o motorista do barco nos explicando várias coisas sobre a região e também sobre a navegação naquelas águas. O homem tinha uma visão muito privilegiada (fruto de muitos anos de intimidade com a região) e certo momento desligou o barco pra que pudéssemos observar um jacaré que estava tomando seu banho de sol na beira do rio. Ele estava misturadinho com galhos secos, e eu nunca o teria visto.

trilha das bananeiras foz (15)

Logo paramos em um pierzinho no que parecia o meio do nada para a terceira parte da trilha.

trilha das bananeiras foz (9)

A ida até o deck de observação

Deixamos o barco e encaramos uma caminhada de 800 metros até um deck de observação no meio da mata. Nesse ponto a mata é bem fechada e tínhamos instruções de seguir a guia em silêncio, por causa dos animais da região.

trilha das bananeiras foz (1)

E no meio da trilha tem essa ponte de corda linda, e claro que paramos pra tirar muitas fotos!

trilha das bananeiras foz (4)

O deck de observação parece uma casa na árvore, e oferece uma vista privilegiada da região.

trilha das bananeiras foz (5)

Subir as escadas não foi difícil, mas na hora da descida deu um friozinho na barriga. Olha isso!

trilha das bananeiras foz (10)

Depois retornamos para o barco e partimos para a última etapa do passeio.

O rolê de caiaque

trilha das bananeiras foz (3)

No caminho de volta os participantes da trilha podem fazer parte do trajeto de caiaque. Eu, que não sei nadar, preferi deixar escapar essa oportunidade. Os nossos companheiros de passeio, Débora e Diego, encararam a aventura.

trilha das bananeiras foz (2)

O nosso barco foi devagarzinho a partir daí, acompanhando o pessoal que ia no caiaque. Eles pareciam estar se divertindo muito, mas voltaram todos molhados. Até que foi bom eu não ter ido no passeio de caiaque na Trilha das Bananeiras, pois minha única roupa extra estava reservada para o Macuco Safari – mas isso é história pra outra hora. 😉

Vale a pena fazer a Trilha das Bananeiras no Parque Nacional do Iguaçu?

Acho que depende muito do seu perfil. Se você gosta de estar em contato com a natureza, é um passeio sensacional. A estrutura é incrível. Eu, que sou uma pessoa muito urbana e não sou muito ligada em atividades ao ar livre, acabei não aproveitando tudo que a Trilha das Bananeiras tem pra oferecer. Como o ingresso é caro, recomendo que você avalie bem antes de comprar.

E aí, você fez esse passeio também quando visitou o Parque Nacional do Iguaçu? Compartilhe suas impressões nos comentários! 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

11 comentários em “A Trilha das Bananeiras, no Parque Nacional do Iguaçu”

  1. Olha, se vale a pena eu não sei. Também não gosto de tudo o que passeios deste tipo oferecem, mas adoro paisagens lindas e natureza e pelo post, deu vontade sim de fazer, heheh. Muito bonitas as fotos e muito bom o relato. Parabéns.

  2. Certamente vou querer fazer esse passeio! Gostei da dica de percorrer os dois km de carro! Guardar energia para aproveitar depois! 🙂

  3. Já estive no Parque Nacional duas vezes, fiz o Macuco Safari, o Rapel e o Rafting, mas ainda não fiz a Trilha das Bananeiras, achei um motivo pra retornar pela terceira vez né?
    Valeu pelo post!

  4. Que bacana! Eu sou o oposto de você, sou zero urbana e total natureza, então ia amar! hehe Na verdade, fiz um parecido por lá, a Trilha do Poço Preto. A diferença é que tinha uma parte de bike na trilha, e um pouco menos de estrutura. Mas também teve caiaque, teve o mirante, teve barco. Esse parque é muito lindo e essas atividades além das Cataratas valem muito a pena! 🙂

  5. que legal! é a primeira vez que vejo um post sobre as trilhas, a maioria das pessoas pula e vai direto pras cataratas! fiquei com vontade de explorar a mata ali, caminhar na ponte e tudo!

  6. Adorei o post.. deve ser incrível fazer o passeio. Fiquei com vontade só pelas fotos. Fiz o passeio do Macuco nas Cataratas e amei. =)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *